domingo, 6 de novembro de 2011

A FORMIGUINHA E A NEVE


Essa manhã acordei me lembrando dessa história que papai nos contava. Era tão gostoso ouvi-la. Me lembro da sua entonação. Da emoção que passava. Quando terminava pedíamos: de novo!
E lá ia ele com toda sua paciência e amor nos contar novamente a história da formiguinha e a neve.
Doces lembranças numa manhã de domingo que agora compartilho com os amigos.


A FORMIGUINHA E A NEVE

Braguinha

 Uma bela formiguinha saiu como de costume para trabalhar e como sabemos as formigas trabalham intensamente. Só pensava em trabalhar e nem se lembrou de verificar como estava o tempo. Naquele dia tudo que era colorido ficou extremamente branco de neve, o inverno chegou e algo aconteceu...

Quando ela estava passando por uma árvore um bloco de neve caiu sobre sua perna e logo a prendeu. Como ela era uma criatura muito valente, começou a tentar se soltar, mas foi tudo em vão. Aos poucos ela começou a se desesperar. Olhou para todos os lados e não enxergou ninguém apenas viu o sol e pensou...


Ele pode me ajudar, com certeza não há em toda galáxia algo mais poderoso do que o sol, e olhando para o sol começou a chorar e a suplicar.


Formiguinha - Sol tu que és tão forte, que ilumina a terra, que derrete a neve, neve que prende meu pé. Desprende meu pezinho?


Sol - Formiguinha mais forte do que eu, é o muro
que me encobre.


Já totalmente triste, a formiguinha se voltou cabisbaixa e olhou para um imenso muro.


Formiguinha - Muro tu que és tão forte que tapa o sol, que ilumina a terra, que derrete a neve, neve que prende meu pé?

 
Muro – Formiguinha sinto muito em lhe dizer, que mais forte do que eu é o rato que me rói.


A formiguinha muito chorosa, já sentindo o frio tomar conta do seu corpo, olhou para o lado e viu um rato.


Formiguinha - Oh!... Rato tu que és tão forte, que rói o muro, que tapa o sol, que ilumina a terra, que derrete a neve, neve que prende meu pé?

.
Rato - Formiguinha oh... mais forte do eu é o gato que me come.


A Formiguinha já sem esperança se deixa cair...e ouve um miauu..


Formiguinha - Oh! Gato tu que és tão forte, que come o rato, que rói o muro, que tapa o sol, que derrete a neve, neve que prende meu pé?

 
Gato – Formiguinha, mais forte do eu é cão que me persegue.


A formiguinha já ofegante, cansada, sem estímulos ouviu latidos e se animou.


Formiguinha - Oh! Cão tu que és tão forte, que persegue o gato, que come o rato, que rói o muro, que tapa o sol, que derrete a neve, neve que prende meu pé?

 
Cão - Minha doce formiguinha mais forte do que eu é o homem que me cuida.

A formiguinha sentindo seu coração quase parar de bate olha para grande homem.

Formiguinha - Oh!..Homem tu que és tão forte, que cuida do cão, que persegue o gato, que come o rato, que rói o muro, que tapa o sol, que derrete a neve?


 
Homem - Criaturinha trabalhadora tu és um exemplo para nós seres humanos, mas, existe alguém, mas forte do eu, que é Deus.

Exausta a formiguinha olha para o céu e suplica:

Formiguinha - Oh! Meu Deus... Tu que és tão mais forte que o homem, que cuida do cão, que persegue o gato, que come o rato, que rói o muro, que tapa o sol, que derrete a neve, neve que prende meu pé?


Deus- Formiguinha tu aprendeste uma grande lição de vida, suplicasse ajuda a todos e todos eles não tiveram condições de ajudar você. Enfim lembraste que eu existo. Eu derreto a neve, desprendo seu pé e lhe digo: Formiguinha e nunca desista de nada, pois estarei sempre com você.

6 comentários:

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Lucia Luz, seu pai era de fato genial. A melhor maneira de mostrar exemplos de vida é contando estorinhas que funcionam como parábolas. Ouvindo isso podemos ter certeza de termos a maior confiança em Deus e de sermos persistentes sabendo "pedir" como a formiguinha, que acaba por se tornar um exemplo para nós. Essa linda estorinha marca tanto que você ainda se lembra dela.
Adorei. Muito bonitinha e instrutiva.
Beijo carinhoso com queijo.
Manoel.

Lucia Luz disse...

Manoel, concordo com você.
Lembro-me dá entonação da voz dele.
Da doçura com que tratava a formiguinha e seu pé.
Ele era fora de série.
Sou felizarda.
Beijinhos

Lucia

George Sand disse...

Gosto dessa neve em retalhos de sol brasileiro :)

Lucia Luz disse...

Filipa

É lindinha mesmo.Também me encanta!
Beijinhos

Paulo de Abreu e Lima disse...

Nós lá em Portugal temos uma lenga-lenga muito parecida com essa. Mas dito pela mãe ou pelo pai, fica mesmo para todo o sempre, verdade?
:)
Beijinho

Lucia Luz disse...

Paulo

Fica sempre o que nos toca o coração.
Bom dia!
Beijinhos

Lucia