terça-feira, 3 de março de 2009

CUMPLICIDADE




Cumplicidade

Patrícia Lins




Eu quero um homem

Que me dê aquele abraço,

Que segure meu braço,

Que me deixe arriada

Com um olhar mormaço...

Eu quero um homem

Que quando dance comigo

Me segure com força,

Que encoste umbigo com umbigo,

Que não me deixe cair.

Eu quero um homem

Que quando deite ao meu lado

Esqueça que está cansado,

Que me acaricie com o lábio

E puxe com força meus cabelos pra trás.

Eu quero um homem

Que dedique o seu amor

Que só se aqueça ao meu calor,

Que seja meu cúmplice no dia - a - dia

Mas que viva comigo a Fantasia....

Eu quero um homem

Dominado e contente

Dominador e conivente

Com crime irremediável e sem perdão

De se entregar a alguém , de corpo e coração!

Mas sobretudo,

Oh! Senhor

Eu quero um homem

Que , em primeiro lugar,

Não tenha medo de se deixar amar....


Imagem: Google

4 comentários:

bacouca disse...

Luz:
É lindo demais e por isso pergunto: é possível,minha querida?
Quando era adolescente acreditava cegamente no amor e numa cabana. Depois fui crescendo a aprendendo que para construir algo forte e que perdure temos que ceder muitas vezes: por vezes algum lado se esquece da doacção mútua e constante. E é pena.

Luz disse...

Bacouca,
Eu acredito que seja possível sim.
Cedendo, respeitando, doando, abdicando, sendo flexível.
Enfim só não pode ter medo de amar.
Beijocas

Mike disse...

Fala para a Patrícia Lins que não é fácil encontrar esse homem. ;)

Luz disse...

Mike,

Eu dou o recado.
E até acho difícil...mas não impossível.Afinal somos competentes, não? ;) Beijo