segunda-feira, 9 de março de 2009

AMANTE


Amante, errante.
Tão perto e tão distante
Sempre coadjuvante.

Lucia Luz

4 comentários:

bacouca disse...

Luz
Tanto em tão pouco.! É preciso sentir para assim resumir.
Um beijo

Luz disse...

Bacouca,

Não é preciso sentir e nem ser.
Apenas ter a sensibilidade e é assim que eu acredito que seja.
Estava com saudades .
Beijinho

bacouca disse...

Luz
Estive uns dias que não deu para vir aqui nem ao meu espaço. Mas logo que pude no seu, que gosto tanto, deixei comentário ao que foi escrevendo na minha ausência e no meu escrevi de "enfiada"!
É bom ter saudade:)Obrigado!

casa da poesia disse...

"Queen of all the me, Radiant Light,
life-giving woman..."...!?...lindo haiku!...salut!