quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

PODER DAS COZINHAS

Definitivamente ninguém que cozinha, cozinha sozinho.
Quem cozinha está sempre cercado de gerações de cozinheiros, de autores de livros de culinária, por amigos que nos dão as receitas, dos ingredientes diversos, mas acima de tudo quem cozinha tem como companheiro quem vai saborear a sua comida.
Comida não é só alimento. Comida consola, conforta, alegra, cura.
E o poder das cozinhas?
Cozinha é aconchego.
E a parte agregadora de uma casa.
Cozinhas são sagradas. É terra, é fogo, é água e ar.
Cozinha é química, é emoção, é mágica, é amor.







Imagens google

2 comentários:

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Lucia Luz, linda postagem. O comer não é só para matar a fome. É também um ritual. Cada família faz esse ritual conforme os seus costumes.
Tenho visto notícias combatendo o "fast-food" e recomendando o "slow-food".
O fast-food só mata a fome e as vezes a gente também (rs).
O slow-food já tem aquele ritual conforme as preferências.
Tudo isso escrito para homenagear as maravilhosas cozinhas.
Beijo carinhoso.
Manoel.

Lucia Luz disse...

Manoel, acho as cozinhas lugares sagrados e deliciosos.
Tem coisa mais gostosa que um dedo de prosa na beira do fogão?
Cozinhar e comer com a família reunida?
Uma canja quando não estamos bem?
Ah...isso é maravilhoso meu amigo.
Um beijinho

Lucia