sexta-feira, 24 de julho de 2009

AMOR É...


Desculpa é uma frase que pretende ser um beijo.
Excitação é quando os beijos estão desatinados pra sair de sua boca depressa.
Desatino é um desataque de prudência.
Prudência é um buraco de fechadura na porta do tempo.
Lucidez é um acesso de loucura ao contrário.
Razão é quando o cuidado aproveita que a emoção está dormindo e assume o mandato.
Emoção é um tango que ainda não foi feito.
Ainda é quando a vontade está no meio do caminho.
Vontade é um desejo que cisma que você é a casa dele.
Desejo é uma boca com sede.
Paixão é quando apesar da placa ::perigo:: o desejo vai e entra.
Amor é quando a paixão não tem outro compromisso marcado. Não. Amor é um exagero...Também não. É um desaforo... Uma batelada? Um enxame, um dilúvio, um mundaréu, uma insanidade, um destempero, um despropósito, um descontrole, uma necessidade, um desapego?

Talvez porque não tivesse sentido, talvez porque não houvesse explicação, esse negócio de amor ela não sabia explicar, a menina....

Adriana Falcão

8 comentários:

Luciana disse...

O amor sempre será um mistério indesvendável que insistimos em desvendar... O amor não se explica, mas sabemos muito bem quando o sentimos.

Adorei o texto...

Beijos e bom fim de semana!!!

Dulce Braga disse...

Sincronia perfeita da imagem com o texto. Lindo post:))

bacouca disse...

Luz,
O amor é tão difícil de explicar, impossível de ensinar mas tudo é nada sem ele.
Um beijo minha querida

Luz disse...

Luciana

Adoro a Adriana Falcão.
Ela é sensível,sábia, inteligente.
Amor é sempre um tema fascinante não?
Beijinhos

Luz disse...

Dulce querida

Obrigada de coração!
Beijinhos

Luz disse...

Bacouca

Você é daquelas pessoas que sabem viver o amor.
Sou sua fã.
Beijinhos

Lisa Nunes disse...

LuZcia querida
Amar está acima da loucura e do desatino, amar é também um ato de coragem.
Quem ama perde o medo,
a vergonha e o o rumo.
Amo este texto dela.
Beijos1000

Luz disse...

Lisa

Quem sou? Aonde estou? Pra onde eu vou?
Só não tenho medo de amar.
Beijinhos